Ou você sabe o que está vendendo, ou pare de vender agora!

É muito evidente que muitos produtores e afiliados começam a vender seus produtos sem fazer o mínimo de planejamento necessário, ou pior, planejam da forma errada e deixam dinheiro na mesa sem saber onde estão errando. Isso se comprova pela quantidade de produtos nos marketplaces que se quer tiveram as primeiras vendas ou que caem no esquecimento em pouquíssimo tempo.

Estou escrevendo esse post no começo de abril, e faz aproximadamente um mês que eu simplesmente parei todas as minhas vendas para arrumar a casa. Pode parecer loucura parar todas as campanhas de produtos que sempre tiveram ROI (Retorno sobre investimento) positivo do dia para noite. Mas eu prefiro ficar sem vender por alguns dias, do que deixar meu dinheiro na mesa, com retornos que podem ser considerados miseráveis comparado aos ganhos reais que posso ter.

Como diz um de meus mentores: Não importa o quanto você está vendendo hoje, se planejar melhor eu sei que você pode vender no mínimo 3x mais.

Quando comecei as vendas do meu primeiro produto, tive a seguinte conversa com esse meu mentor:

– Quanto você quer vender desse seu produto?
– Hum, pelo que estou vendo, espero fechar as vendas quando atingir os 6 dígitos.  – Respondi.
– Bom, então você pega esse valor e multiplica por 3, esse é o mínimo que aceito que você venda.

Bom, hoje percebi que ele estava certo, e já ficou óbvio que minha meta não deve ser mais os 3x mais que ele me recomendou, e sim 5x. Acho que vale a pena parar tudo por um tempo para poder rever minhas metas!

Ok, mas o que isso tem a ver com o conteúdo desse post? Simples: PLANEJAMENTO.

Estamos em uma série de posts que falam sobre o planejamento de novos negócios do zero. Então seria bacana você já ter ter alguns documentos preenchidos. Se não tiver, aqui estão os links do que recomendo que você tenha prontinho na mão:

  1. Planilha de Avatar
  2. Keyword Map 

Agora nessa terceira etapa do planejamento de um negócio de sucesso, vamos trabalhar o Briefing de Produto. como sempre, o link para baixar o documento gratuitamente está no fim desse post.

Quais são os tipos de produto que mais vendem hoje?

Existem diversos tipos de produto no mercado, mas eles podem ser divididos em 4 categorias principais, que se dividem em infinitas subcategorias. Então vamos discutir aqui os 4 tipos de produtos que podemos vender pela internet ou em lojas físicas.

Infoprodutos e Produtos Digitais

Infoprodutos são os mais comuns dentro do mercado online hoje. Eles são produtos em que a entrega deles acontece digitalmente, podendo ter ou não um envio físico associado (normalmente não tem, mas pode ser uma estratégia).

São materiais feitos para vender informação.  Esses produtos podem ser distribuídos de forma paga ou gratuita, em formato digital.

Grande parte desses produtos são voltados para cursos online, e mostra a força que o ensino a distancia (EAD) vem ganhando nos últimos anos. Mas temos diversos tipos de produtos digitais, por exemplo:

  • Cursos Online
  • Vídeo aulas
  • Serviços de Assinatura
  • E-books
  • Documentos 
  • Licenças para software
  • Músicas
  • Podcasts
  • Streaming 
  • Imagens e ícones
  • Aplicativos
  • Códigos Fonte
  • Templates
  • Plugins e por aí vai…

Uma das grandes vantagens de se criar produtos digitais e vendê-los na internet, é que os lucros acabam se tornando maiores e cada vez mais escaláveis, uma vez que as oportunidades de vendas são muito maiores que cursos presenciais, levando em conta que existem diversos fatores físicos e de logística que atrapalham tal negócio.

Imagine que você pode produzir um curso digital uma única vez e vender o mesmo material inúmeras vezes pela internet para pessoas que estão ao redor do mundo. Não existe mais fronteiras para a venda desse tipo de conteúdo.

O foco do documento desse post é justamente o infoproduto, mas ele pode ser usado para qualquer tipo de produto.

Produtos Físicos

Esse é o tipo de produto mais comum no mercado e o que mais estamos acostumados a consumir, pois compramos eles todos os dias. Todos nós nos beneficiamos com essa categoria, pois é algo menos abstrato que um infoproduto.

Na maioria das vezes, fazemos a compra de produtos físicos em lojas físicas, centros comerciais ou shoppings. Mas a internet está se mostrando cada vez mais poderosa para potencializar esse tipo de venda. Basta olhar para os grandes nomes dos E-commerces, como: AliExpress, NetShoes , GearBest e outros muitos nomes do mercado online. Alguns Exemplos de produtos físicos que estão fazendo sucesso nos marketplaces brasileiros:

  • Suplementos alimentares
  • Produtos para estética 
  • Livros
  • Eletrônicos 
  • CDs e DVDs 
  • Artigos de moda e etc…

Esse tipo de produto, é mais comum mas possuí a desvantagem de existir uma logística para a entrega ao cliente. Mas mesmo assim é muito bem aceito.

Eventos e e-Tickets

Antigamente para comprar um ingresso para um evento, para assistir um filme no cinema ou para um Meeting, costumávamos ir a postos de vendas autorizados, que muitas vezes se tornava um contratempo e criava uma logística absurda. Hoje podemos vender nossos ingressos e tickets para eventos de forma 100% digital, e eu acho isso lindo!

Além da facilidade de compra, muitos eventos hoje acontecem online, facilitando muito a vida de quem quer participar e não consegue se locomover ao local do evento.

Vi uma explosão de vendas de eTickets nos últimos meses e acompanhei o lançamento de um desses eventos. Foi muito bacana acompanhar um evento para mais de 2 mil pessoas desde a concepção até as vendas.

Serviços, Consultorias e Jobs

Quem hoje vende serviços apenas no boca a boca, sem divulgar seu trabalho na internet está fardado a perder lugar para a concorrência.

É muito comum encontrar serviços e consultorias em todo o canto, mas quem divulga isso de forma correta na internet, em pouco tempo chega até a rejeitar clientes por falta de tempo para atender todos.

Já acompanhei a campanha de um massagista de Sorocaba que acumulou uma fila de espera de quase 200 pessoas em menos de 30 dias de campanha. É fantástico ver o poder que a internet tem na hora segmentar e criar Leads para prestadores de serviços e consultores.

Falando nisso, olha um grande exemplo aqui: Serviços de consultoria.

Como criar um produto de sucesso sem perder tempo

Ok, agora vamos para a parte importante: Criar seu próprio produto ou melhorar o que você já tem.

Clique no botão laranja abaixo para fazer o download do documento de Briefing de Produto Gratuitamente. Imprima o PDF e comece a aplicar na prática o que vou te explicar agora.

Saiba explicar seu produto em 15 e em 60 segundos

Como você vai vender seu produto se você não sabe descrever ele de forma direta, clara, interessante e sucinta?

Perca um tempo criando um Pitch de vendas que convença qualquer pessoa apelo menos prestar atenção no que você está falando.

O que seu produto NÃO é?

Huuuuum, mas como assim? 

Não adianta sabermos o que nosso produto é, se não soubermos o que ele NÃO É. Ao colocar no papel o que ele não ensina, não entrega e não resolve fortalece a grande promessa do seu produto e evita problemas com clientes desatentos. Acredite ou não, eu acho mais importante saber o que meu produto não resolve do que o que ele resolve. Isso economiza um trabalho danado…

Chega de Spoilers, mãos a obra!

Baixe agora o documento aqui embaixo gratuitamente, que terá lá TODOS os passos necessários para definir seu produto de forma simples e com informações verdadeiramente importantes. Se tiver alguma dúvida já sabe né? Basta entrar em contato comigo para termos uma conversa!

Bom trabalho!

BAIXAR O MODELO DE BRIEFING DE PRODUTO GRÁTIS

Ou se preferir, clique aqui para baixar o documento gratuitamente.

Deixe nos comentários um feedback do que achou do documento que bolei para ajudar você a definir o seu produto.

Abraços!

Comentários

comentários